Bexiga hiperativa

bexiga hiperativa

A síndrome da bexiga hiperativa é uma doença caracterizada pela presença da urgência miccional (vontade imperiosa de urinar), associada ou não a aumento da freqüência miccional, necessidade de micções noturnas e incontinência urinária (perda involuntária de urina). É uma disfunção causada pela presença de contrações involuntárias da bexiga durante a sua fase de enchimento. É um problema que diminui muito a qualidade de vida, gerando muitas vezes isolamento social, limitando a capacidade dos seus portadores de desenvolverem suas atividades habituais. Mais comum em mulheres, a causa deve ser investigada, embora comumente seja idiopática (sem causa definida). Hoje já existem diversos tratamentos eficazes para este problema, desde os de primeira linha que incluem fisioterapia e medicamentos, quanto mais avançados incluindo injeção intra-detrussora de toxina botulínica e implante de eletroestimulador sacral.